Preços baixos é na loja ASTRO-REI de Bom Jesus, realize o seu sonho agora mesmo...
Center cell
kamila Vargas
Rechaud top
Senac - topo
PIAUÍ

B-R-O-BRÓ e baixa umidade do ar exigem cuidados com a saúde

Cidades do extremo Sul do estado tem registrado temperaturas próximas dos 40° C.

04/09/2019 08h33Atualizado há 3 semanas
Por: Felipe/Gilbués
Fonte: Portal R10

Com a chegada do período mais quente do ano no Piauí, o conhecido B-R-O BRÓ e a baixa umidade do ar que já predomina nos últimos dias, são necessários redobrar os cuidados com a saúde. O sistema respiratório é um dos mais afetados nesse período.

“Moramos em um local de clima quente e seco, além de ter o ambiente com o ar condicionado, que retira a umidade e deixa o ambiente ainda mais seco. A hidratação é essencial. Para quem tem problema de ressecamento nasal, ela deve lavar bastante o nariz. Existe gel hidratante de mucosa, que também ajuda a hidratar”, explicou o otorrinolaringologista Antônio Luís de Lima.

O especialista afirma que algumas ações podem fazer diferença nesses dias. “Deixar um vaporizador de água nos ambientes ajuda nos dias quentes e com umidade baixa. Em casa, pode deixar uma toalha molhada no ambiente ou bacia com água. Essas atitudes ajudam a melhorar a sessão de ressecamento das vias áreas”, indicou Antônio Luís Melo.

O otorrino alerta ainda para a necessidade de cuidados principalmente com os idosos. “O idoso naturalmente já não gosta de beber água e, em um clima seco, ele pode desidratar. Assim, pode evoluir para um quadro de infecção urinária. Também pode ocorrer problema na via área. Quando resseca a mucosa, você tem uma chance maior de ter infecção como sinusite, bronquites e até pneumonia. Com o idoso, temos que nos preocupar bastante”, ressaltou.

Atividades físicas

O médico Antônio Luís de Lima afirma que, caso seja possível, o ideal é que as pessoas não pratiquem atividades físicas entre 10h e 16h. “Sabemos que cada um tem uma disponibilidade, mas o recomendado seria praticar atividades de manhã cedo ou a noite. Entre 10h e 16h, a umidade normalmente está ainda mais baixa. Mas, caso esse seja o horário disponível, deve-se redobrar o cuidado com a hidratação”, reforçou o otorrinolaringologista.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.