Segunda, 13 de Julho de 2020 12:44
89 98115-5652
Dólar comercial R$ 5,34 0.299%
Euro R$ 6,07 +0.871%
Peso Argentino R$ 0,08 -0.133%
Bitcoin R$ 52.696,16 +1.001%
Bovespa 100.735,41 pontos +0.7%
Notícias PIAUÍ

Marcelo Castro: extinção de municípios tem chance 'abaixo de zero' para aprovação

'Uma proposta típica de burocratas, de pessoas que nasceram no asfalto', declarou o senador piauiense.

04/12/2019 09h44 Atualizada há 7 meses
Por: João Victor Fonte: Cidade Verde
Marcelo Castro: extinção de municípios tem chance 'abaixo de zero' para aprovação

O senador Marcelo Castro (MDB) voltou a criticar nesta terça-feira (3), a proposta do governo federal de acabar municípios com menos de 5.000 habitantes e possuem arrecadação inferior a 10% da receita total. No Piauí, 78 municípios seriam extintosPara o parlamentar, a proposta tem chance “abaixo de zero” de passar no Congresso Nacional e foi feita por pessoas que não conhecem a realidade do país.

“Isso é uma proposta típica de burocratas, de pessoas que nasceram no asfalto, que nunca visitaram o interior do país, as regiões mais longínquas e abandonadas. São pessoas que trabalham dentro de quatro paredes com ar condicionado, muito longe da realidade brasileira”, desabafou em entrevista.

“A chance de esse projeto passar aqui no Congresso é abaixo de zero. Aqui têm representantes que conhecem a realidade no Brasil e não vive só em ar condicionado”, acrescentou.

Castro chegou a dizer que desafia alguém mostrar que a vida dos habitantes desses municípios piorou após a emancipação política.

“Eu duvido que tenha um habitante de uma dessas pequenas cidades, em qualquer lugar do Brasil, que seja favorável a uma atitude dessas. Simplesmente as pessoas hoje vivem muito melhor nessas cidades do que quando eram povoados, e viviam abandonas a própria sorte”, declarou, citando as cidades de Guaribas e Morro Cabeça no Tempo como exemplo.

“São regiões distantes da sede. As pessoas hoje têm mais educação, saúde e infraestrutura”, finalizou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.