Quarta, 03 de Junho de 2020 04:23
89 98115-5652
Dólar comercial R$ 5,21 -3.23%
Euro R$ 5,82 -2.666%
Peso Argentino R$ 0,08 -3.193%
Bitcoin R$ 52.423,55 -0.359%
Bovespa 91.046,38 pontos +2.74%
Notícias BRASIL

Bolsonaro veta auxílio de R$ 600 para mais de 50 categorias

Veja quem poderá ficar sem o benefício.

15/05/2020 08h56
Por: Felipe/Gilbués Fonte: Fala Nordeste
Bolsonaro veta auxílio de R$ 600 para mais de 50 categorias

O presidente Jair Bolsonaro vetou parte da proposta aprovada pelo Congresso de ampliação do auxílio emergencial de R$ 600. Com isso, mais de 50 categorias de trabalhadores informais de baixa renda ficarão sem o benefício.

O presidente excluiu categorias como ambulantes, taxistas, motoristas de aplicativos, pescadores, garçons que ganharam mais de R$ 28 mil em 2018. Com a decisão do presidente, que pode ser ainda revista pelo Congresso, também não terão direito ao benefício atletas e profissionais ligados ao esporte. A sanção da Lei nº 13.998/2020 foi publicada na edição desta sexta-feira (15/05) do Diário Oficial da União.

A extensão do auxílio a mães adolescentes permaneceu no texto. Já a possibilidade de homens solteiros, chefes de família, receberem o auxílio em dobro também foi negada pelo presidente. Esse benefício já é recebido pelas mães responsáveis pela casa. Na justificativa, o governo argumenta que a proposta feria o princípio da isonomia por privilegiar algumas profissões em razão de outras.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.