Quarta, 15 de Julho de 2020 08:02
89 98115-5652
Dólar comercial R$ 5,35 -0.735%
Euro R$ 6,1 -0.432%
Peso Argentino R$ 0,08 -0.789%
Bitcoin R$ 52.368,78 -0.157%
Bovespa 100.440,23 pontos +1.77%
Notícias BOM JESUS-PI

Marcos diz que denunciará ao Ministério Público quem promover eventos

O prefeito de Bom Jesus citou a realização de vaquejadas e arraiás nos últimos fins de semana.

23/06/2020 17h28 Atualizada há 3 semanas
Por: REDAÇÃO

O município de Bom Jesus registrou, nos últimos cinco dias, 68 novos casos de Covid-19, o que representa um aumento de quase 60%. Eram 115 na última quinta-feira (18), hoje (23) são 183. Atualmente há quatro pessoas internadas e o número de testes realizados diariamente mais do que dobrou.

Na coletiva realizada pela manhã, o prefeito Marcos Elvas expôs estes e outros números que mostram que a situação está se agravando a cada dia, na medida em que é possível observar que cresce o número de pessoas que estão desrespeitando o isolamento social. Com o crescimento no número de casos, índice de infestação no município é de 73 casos para cada 10 ml habitantes, sendo maior do que o da capital Teresina, que é de 70 por 10 mil habitantes.

Segundo o gestor, nos últimos fins de semana foram realizadas "arraiás" e até mesmo vaquejadas no município. Alguns bares também estão abrindo. Mostrando-se indignado com a situação, o prefeito disse que irá tomar todas as medidas cabíveis, inclusive irá denunciar quem promover qualquer tipo de evento ao Ministério Público. 

"Nossa fiscalização está em campo, chamei a polícia e nós vamos levar esse tipo de pessoa para que o MP tome conta. Nós não podemos deixar bar aberto, gente! Nós estamos fechando comércio que está vendendo sapato, camisa, de utensílios domésticos, para não ter aglomeração e cidadãos se acham no direito de fazer vaquejada ou arraiás? Nós estamos com nossas equipes médicas e de gestão se arriscando todo dia (...), pense nos nossos filhos", disse Marcos Elvas.

"Nós não podemos aceitar isso, quem for fazer vaquejada vai se ver com a polícia e com a Justiça, eu vou denunciar ao Ministério Público, seja quem [for]", falou o prefeito, que confessou que quando soube da realização de vaquejada em plena pandemia achou que seria mentira, tamanho o absurdo.

O prefeito irá dialogar com setores do comércio essencial, como supermercados e farmácias, para além de reforçar as medidas preventivas, possa ser feita uma redução nos horários de funcionamentos. Marcos parabenizou os empresários que têm colaborado com a gestão para conter os avanços da doença.

O prefeito ainda falou sobre as ações realizadas recentemente pela Prefeitura Municipal devido o crescimento no número de casos, como a ampliação no horário de funcionamento do Centro Covid, que agora será de 7h às 19h, de forma ininterrupta. Também será aumentada a quantidade de profissionais que atuarão no Centro. Além disso, dentre outras medidas as barreiras sanitárias nas entradas da cidade serão ampliadas.

Durante a coletiva, o prefeito ainda fez um apelo aos moradores: "Não estou pedido para você deixar de ir à Caixa receber o seu dinheiro, nem que você deixe de ir ao supermercado fazer compras, estou pedindo que você deixe de ir ao bar".

Assista a coletiva na íntegra abaixo:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.