Domingo, 27 de Setembro de 2020 06:21
89 98127-8118
Dólar comercial R$ 5,55 0.8%
Euro R$ 6,47 +0.49%
Peso Argentino R$ 0,07 +1.02%
Bitcoin R$ 62.666,55 -0.809%
Bovespa 96.999,38 pontos -0.01%
Notícias BOM JESUS-PI

Governo se prepara para licitar obras do aeroporto de Bom Jesus

Orçada em quase R$ 30 milhões, obra deve alavancar a cadeia produtiva econômica e trazer mais investimentos e desenvolvimentos.

15/09/2020 15h23 Atualizada há 1 semana
Por: Redação
Governo se prepara para licitar obras do aeroporto de Bom Jesus

O Governo do Piauí, por meio da Secretaria de Estado dos Transportes (Setrans), se prepara para executar uma série de obras no aeroporto de Bom Jesus. O Ministério da Infraestrutura, por meio da Secretaria Nacional de Aviação Civil, aprovou projeto e autorizou a licitação das obras de infraestrutura no local. Serão investidos recursos na ordem de R$ 28.040.614,36.

As obras devem começar pela reforma e ampliação da pista de pouso e decolagem; construção do novo terminal de passageiros; implantação de balizamento noturno, Central de Utilidades (CUT) e equipamentos de auxílio a navegação aérea para o aeroporto de Bom Jesus do Gurguéia. O terminal localizado na cidade de Bom Jesus, região que é um importante polo de produção agrícola do Estado. Ele possui uma pista de pouso e decolagem com pavimento asfáltico e dimensões de 1.200m de comprimento por 20m de largura.

De acordo com o secretário de Transportes, Hélio Isaias, a obra foi projetada para alavancar a cadeia produtiva econômica e trazer mais investimentos e desenvolvimento. “A reforma e ampliação do aeroporto de Bom Jesus é uma obra de infraestrutura de Transportes de grande relevância para o desenvolvimento econômico, principalmente para região sul do nosso Estado. A sua construção vai alavancar as negociações referentes ao polo agrícola que é muito forte em toda a região sul, onde a produção de grãos é a principal atividade econômica. Essa obra vai trazer muitos investidores, consequentemente mais emprego e renda para as cidades e para as populações dos municípios que integram essa cadeia produtiva de grãos”, disse.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.