Sexta, 05 de Março de 2021 20:22
89 98127-8118
Dólar comercial R$ 5,68 0.447%
Euro R$ 6,77 -0.03%
Peso Argentino R$ 0,06 +0.36%
Bitcoin R$ 296.048,28 +1.605%
Bovespa 115.202,23 pontos +2.23%
Notícias PIAUÍ

Piauí recebe mais 24 mil doses da vacina e inicia a distribuição

Imunizante da Universidade de Oxford/Astrazeneca.

25/01/2021 08h15
Por: Redação
Piauí recebe mais 24 mil doses da vacina e inicia a distribuição

Na tarde deste domingo (24), o Piauí recebeu 24 mil doses da vacina da Universidade de Oxford/Astrazeneca. As vacinas têm origem na Índia e chegaram ao Brasil na noite de sexta-feira (22) e desembarcaram em solo piauiense por volta das 15h30 horas, no aeroporto Petrônio Portella, em Teresina. 

Este é o segundo lote de imunizantes que chega ao Piauí. No dia 18, o estado recebeu   doses da Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan que possui acordo com a empresa chinesa Sinovac. Com a vacina Oxford/Astrazeneca, o Piauí deve chegar a 62% do total do público alvo na primeira etapa de vacinação. 

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, a distribuição das novas doses começará ainda hoje. 

“A partir de agora nossas viaturas, nosso veículos da Secretaria Estadual de Saúde passam a levar as doses de vacina para as regiões dos Cocais, Carnaubais e para a Entre Rios. Também faremos entregas na Fundação Municipal de Saúde de Teresina. Amanhã a partir das 6 horas da manhã começam os roteiros para Parnaíba, Floriano, Picos, Bom Jesus e São Raimundo Nonato. Para que assim possamos até amanhã por volta das 10 horas que essa remessa de vacina, que recebemos aqui, possa chegar em todas as regiões do Piauí”, disse.

Existe a previsão de que o Ministério da Saúde distribua 900 mil doses do Instituto Butantan a partir de amanhã. Mas ainda falta confirmação do Ministério da Saúde. Florentino Neto destaca a necessidade de imunizar os profissionais de saúde. 

“Essa vacina, conforme orientação do Ministério, é para o primeiro público alvo. Continuaremos vacinando o primeiro público alvo. Neste caso, ampliaremos a cobertura da vacina aos profissionais de saúde. Temos que trabalhar fortemente na imunização dos profissionais de saúde porque estão na linha de frente e eles imunizados favorecem que possamos tratar de mais pessoas. Vamos continuar com as orientações do ministério”, destaca.

O governador Wellington Dias esclarece ainda que tem dialogado com os governadores e com o presidente para que mais vacinas sejam disponibilizadas.

 “Em carta dos Governadores do Brasil, sugerimos Estratégia Diplomática Especial pelo presidente da República e  para abrir diálogo do Governo Central do Brasil com a Índia e já temos os primeiros resultados, mas devemos negociar compra de mais vacinas e IFA; e também com a China para cronograma de entrega do IFA, e ainda com a Rússia para viabilizar vacina Sputnik”, disse. 

Situação de Teresina 

De acordo com o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Gilberto Albuquerque, Teresina receberá 9 mil doses da vacina que chegou hoje. 

“São 9 mil doses para Teresina. A capital possui a rede hospitalar com maior número de  profissionais do Piauí. Por isso a quantidade maior. E administra, também, mais rápido. Amanhã as unidades já recebem as doses e já poderão administrar mais rapidamente”, disse. 

Segundo ele, a Fundação ainda faz um levantamento da real situação da vacinação entre o grupo de profissionais de saúde.

“Na primeira fase, ainda ficamos pendentes com vários profissionais. Porque ela só deu para imunizar em torno de 34% dos profissionais de saúde. Mas muitos deles são de mais de um local. Então estamos fazendo o cruzamento de informações e logo teremos o número dos que faltam. Lembrando que as doses são para profissionais de saúde que trabalham na linha de frente”, destacou. 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.