Domingo, 18 de Abril de 2021 20:26
89 98127-8118
Notícias SEBASTIÃO BARROS-PI

Homem é morto a facadas dentro do próprio veículo em Sebastião Barros

O autor do crime foi preso pela PM e confessou ter matado por motivo fútil.

05/04/2021 09h10
Por: Redação - Portal B1 Fonte: Portal Corrente
Homem é morto a facadas dentro do próprio veículo em Sebastião Barros

Um homem identificado como José Roberto Lustosa, de 41 anos de idade, foi morto a facadas na madrugada deste sábado, 3 de abril, no município de Sebastião Barros. O autor confesso do crime é Augustinho Neres dos Reis Filho, de 44 anos, natural de Gurupi/TO.

Segundo informações do GPM de Sebastião Barros, por volta das 1h20min da madrugada a guarnição foi acionada por populares, que relataram que alguém teria esfaqueado o senhor José Roberto dentro do seu próprio veículo.

Chegando ao local, os policiais constataram que a vítima já havia falecido. Segundo testemunhas, horas antes do crime a vítima estaria em companhia do suspeito, conhecido popularmente como Neném.

Imediatamente foram iniciadas as diligências e logo ele foi localizado às margens da PI 415, na altura do povoado Lagoinha, onde estava com uma mochila com seus pertences e a faca usada no crime.

Augustinho Neres dos Reis Filho confessou ter cometido o crime por causa de um desentendimento com a vitima, por estarem sob efeito de bebida alcoólica. Ele disse ainda  que já responde por um crime de homicidio na cidade de Caziara-TO, ocorrido no ano de 2000.

Os policiais militares deram foz de prisão em flagrante contra o suspeito e o conduziram à 10ª Delegacia Regional de Corrente.

José Roberto Lustosa era servidor público municipal e trabalhava na garagem da prefeitura. Ele era cunhado do vereador Nininho, deixa esposa e 3 filhos. Já o suspeito morava no município há cerca de 2 anos e trabalhava como pedreiro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.